Comentários

Nunca Fornecer Senha ou Dados em Emails do Hotmail, Gmail ou Bancos

Às vezes as dicas mais preciosas e úteis são tão sutis que ninguém acaba por escrever algo a respeito. Um excelente artigo no blog do Hotmail sobre segurança na internet, falando sobre como os ladrões digitais conseguem acesso aos dados de email, redes sociais e até bancários da pessoas. Você pode pensar que o mais comum para roubar sua senha seria alguém invadir seu computador, porém o que mais acontece é que a própria pessoa fornece a senha para os ladrões.

Como? Através de falsos emails que pedem pra confirmar seus dados. Eles parecem tão reais que podem confundir até o usuário mais experiente.

Caso de Phishing do Real Santander

Um caso que aconteceu comigo recentemente. Todos sabem que o Banco Real se tornou o horrível Santander. Ok.

Outro dia eu recebi um email perfeito, dizendo ser do Santander, com rementente do Santander, contendo meu CPF e meu nome completo. Este email tinha um link para clicar dizendo que eu deveria ir até aquele endereço confirmar alguns dados senão todos meus cartões seriam cancelados.

Como saber que um falso email contém meu nome completo, endereço de e-mail e CPF? Até o remetente era atendimento@santander.com.br. Existem casos de emails contendo até a sua foto, e não é de se espantar que no Brasil, onde os órgãos e empresas do governo seja uma bagunça completa, dados como CPF sejam vendidos livremente nas ruas.

A principal dica para lembrar sempre:

Qualquer empresa NUNCA pedirá para você sua senha através de email ou qualquer outro método

Se você receber um email pedindo para digitar sua senha, pode marcar como SPAM e apagar imediatamente.

Geralmente as senhas são reinicializadas no site principal a seu pedido, isto é, você pede pra alterar a senha, ou em raros casos a empresa pede pra você ir até o site principal alterar a sua senha.

Para certificar-se de que você está no site verdadeiro da empresa, existem algumas coisas que você pode observar:

1. O endereço url do navegador é realmente da empresa original.

2. Verificar o remetente do email.

3. Entrar em contato com a empresa e não realizar qualquer alteração na sua conta nem digitar seus dados.

Reconheço que é um processo complicado montar uma lógica completamente certa para identificar este tipo de ação, chamada de “Phishing”, ou “pescaria”, onde você é o alvo.

Mas lembre-se, se receber algum email pedindo seus dados pessoais e sua senha, pode ter certeza que é algo falso tentando te enganar. Fique sempre atento.

Eduque-se e Ensine Outras Pessoas

Caso você ache esta informação interessante, passe adiante pois penso que desta forma podemos deixar a internet mais segura, protegendo mais pessoas e desestimulando estes ladrões que investem na falta de conhecimento de alguns. Se você pensa que esta mais protegido agora, por que não ensinar alguém?

Comments
To Top