A esquerda é uma doença da alma

Estranho como na Europa alguns brasileiros que moram lá flertam ingenuamente, assim como muitos europeus, com a esquerda populista, simpatizam do anti americanismo e por conseqüência dos mitos esquerdistas e da dita revolução social de Chávez. Mesmo alguns europeus esquecem-se do que tiveram que passar para superar ditadores em seu passado para alcançarem a estabilidade da riqueza trazida pelo trabalho e democracia. Acho que em todo mundo vivemos nos dias de hoje de um declínio moral, não intelectual, pois assim como disse Reinaldo Azevedo, o mal da esquerda é algo de doente da alma de uma pessoa, assim como acontece geralmente no fanatismo religioso. É realmente algo difícil de explicar mas basta tentar dialogar com algum esquerdista que vemos nascer a labareda inflamada da alma-patia de gritar frases decoradas, geralmente chavões esquerdistas como repúdio ao imperialismo e capitalismo sem ao menos ter conteúdo lógico para basear tais afirmativas. Por isso gosto de ficar no silêncio das minhas palavras, não por temer o confronto mas sim pelo amor aos meus ouvidos sensíveis e preparados apenas para qualidade da boa música. Chamarei o exorcista de plantão na porta da mais simples igreja para curar as almas dos infiéis. Saravá!

Technorati Tags:

Outros textos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.