Blogo, Ferramenta Para Blogar no Mac

By | abril 26, 2008

Hoje recebi um convite para testar a versão beta privada do Blogo (obrigado Ben). Com muitas melhorias em relação a outra que eu tive alguns problemas, vou usar o Blogo ao escrever este artigo para poder avaliar bem esta nova versão. Os seus desenvolvedores parecem estar com muita vontade de tornar ele a melhor ferramenta para blogar no Mac. E isso é muito bom. O Blogo é compatível com TypePad, Blogger, WordPress, Typo e outros sistemas.

O que mais gosto no Blogo é o editor em tela cheia, do tipo que não deixa nada atrapalhar sua concentração. Porém quando estamos em tela cheia, os controles de edição são mais limitados, por exemplo não encontrei como inserir tags em tela cheia.


Uma melhoria que vi de cara foi o drag n drop de imagens, está funcionando bem, embora ainda falte construir thumbnails automáticos para imagens grandes. Existe uma ferramenta muito legal para cortar a imagem (crop) para adequar ao tamanho correto. Seria bom se ela mostrasse as dimensões enquanto ajustamos o tamanho da caixa de crop mas mesmo assim você ainda pode colocar o tamanho da imagem desejado manualmente.


A janela do Blogo é bem minimalista, com os controles básicos bem acessíveis. Senti falta de um controle mais avançado e customizado sobre o html como criação de novas tags. Me sinto pisando em ovos quando uso um editor visual mas é uma mania minha editar em html e o Blogo torna saber html desnecessário para um usuário leigo.

O menu Edit abre o navegador dos seus artigos já publicados Quando cliquei em Edit fiquei com medo de ter apagado o artigo que estava escrevendo pois para voltar para ele você tem que clicar em “New”, e para mim significaria abrir o editor para um novo artigo. Notei que depois que cliquei em edit e meus artigos foram baixados, o Blogo ficou instável, enquanto eu digitava os caracteres demoravam pra aparecer. Isso deve ser algum bug.

Senti falta de salvar os artigos localmente antes de publica-los. Muitas vezes você quer escrever vários artigos seguidos sem publicar nenhum. Fiz isso antes de entrar de férias para ninguém sentir falta de mim aqui. E além disso, é bom clicar em “salvar no artigo” pois uma das piores coisas que poem acontecer com um escritor é perder seu texto.

Quando configurei meu blog no Blogo, automaticamente minhas categorias foram carregadas, e o recurso de autocompletar agiliza a navegação por elas. Mas quase me passou desapercebido o fato que as categorias no autocompletar começam por jogo da velha (#). Se você começa a digitar, o que aparece são as suas tags (marcadores). O ruim é que mistura tudo no mesmo campo de texto. Para mim seria mais lógico ter um campo separado para tags e outro para categorias.

O Preview não funcionou e ainda gerou um post no meu feed que provavelmente meus assinantes estarão vendo eu pagar esse mico. Isso nunca poderia ter acontecido…

O Blogo está quase lá. Com alguns ajustes de bugs, melhorias de design e funções como edição em html (ou simplesmente poder customizar tags html), vai se tornando um editor sério.

O Blogo custa 25 dólares e você pode testa-lo por 21 dias.

Baixe o Blogo


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *