O que é RSS e o Google Reader (Leitor)

By | março 12, 2009

feed rss iconÉ difícil ensinar a alguém a usar um leitor de RSS para ler blogs, notícias, etc… Talvez a maioria das pessoas achem que estou falando grego mas vou tentar explicar melhor.

Hoje em dia quase toda página na internet possui o recurso de feed RSS, principalmente os grandes jornais e blogs. Por exemplo, o jornal O Globo reuniu seus endereços RSS na página dedicada oglobo.globo.com/rss onde você pode assinar os canais que lhe interessam, economia, esportes, política, etc… Cada canal (blog ou fonte de notícias) tem um endereço particular. O objetivo do rss é permitir que você possa assinar uma página para não mais visita-la e ler rapidamente os tópicos, podendo identificar os mais relevantes. O endereço rss deste humilde blog para que você assine é feedproxy.google.com/GusSos.

Um leitor RSS é um programa que reúne os canais (ou páginas, blogs) que você assinou. Você vai lá, digita o endereço do canal RSS e o leitor mostra os tópicos de notícias. O canal fica memorizado e sempre que quiser ler novas notícias basta clicar nele para ver o que há de novo.

google reader panel

Para mim o Google Reader é o melhor leitor de RSS que existe. Vejam na figura acima como fica organizado um leitor de rss. Bem parecido com muitas interfaces que estamos acostumados como o Explorer do Windows ou o Outlook. À esquerda temos listados os canais que eu assino e no painel da direita os tópicos relevantes do canal que está selecionado. Quando eu clico em um tópico no painel da direita ele expande e eu posso ler o seu conteúdo. Isso sem ter que visitar a página fonte, sem poluição visual de anúncios e principalmente numa formatação que já estou acostumado. O que facilita imensamente a leitura rápida e dinâmica.

Com essa ferramenta eu consigo ler dezenas de páginas de notícias e blogs que assino. Faço uma leitura rápida dos tópicos de cada canal e marco com uma estrela os que me interessas. Depois vou na pasta dos artigos que marquei e leio seu conteúdo com atenção.

O Google Reader ainda tem um recurso extra de poder compartilhar o artigo com amigos. Você pode enviar por email ou então “compartilhar”. Quando você compartilha um artigo, os seus amigos que têm conta no Google poderão ler eles ao clicar na pasta “Itens compartilhados por Gustavo”. A mesma coisa acontece com os artigos compartilhados pelos seus amigos que você consegue ler.

No Google Reader você ainda pode organizar artigos por marcadores. Por exemplo, você pode marcar um artigo com o nome “iphone” e criar um canal só com notícias sobre este marcador.

Outra vantagem do Google Reader é aumentar a velocidade de leitura dos artigos. É claro que você precisa de conexão a internet e muitas pessoas usam programas “leitores” (como o Vienna no Mac) pelo fato de poderem ler enquanto não estão na internet. O Google Reader já possui suporte ao Google Gears e você pode ler os artigos mesmo sem estar na internet. O problema é que se você for como eu que tenho mais de 50 assinaturas, baixar todos os artigos torna-se uma tarefa árdua. Outro fato que atrapalha bastante baixar os artigos é que o banco de dados no seu computador vai se tornando enorme e cada vez mais lento. Por isso deixei de usar leitores offline e passei a usar exclusivamente o Google Reader.

Recomendo a todos que tentem usar um leitor de RSS. Você torna muito mais rápido seu processo de leitura, podendo ter acesso então a muito mais canais de conteúdo do que teria abrindo página a página. É um método alternativo de leitura que pode ser chato de se acostumar no começo mas depois vira um vício que não para mais.

O Google Reader é grátis e pode ser acessado aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *