Não compre o Parallels, use o Vmware Fusion

By | janeiro 15, 2008

Antes de começar o artigo já vou avisando aos mais excitados leitores, eu comprei o Parallels! Por isso já digo para não me insultarem por dar o meu relato. Vou falar neste artigo sobre máquinas virtuais para Mac. Uma máquina virtual é um programa que emula um computador onde você pode instalar outro sistema operacional e poder ter ele dentro de uma janela no seu computador. No mundo Mac atualmente existem dois produtos competindo, o Parallels e recentemente o Vmware Fusion.

Vmware Fusion X Parallels

Estava usando o Parallels, máquina virtual com o Windows XP, há um ano e depois de elogiar tanto o programa, comecei a ter diversos problemas como o conhecido “spinning ball of death” do Mac (aquela bolinha que roda pra você esperar algo acontecer e nada mais acontece), similar ao “este programa parou de responder” do Windows. O problema acontece sempre que resumia uma sessão pausada do Windows e com isso perdia todo o trabalho que tinha deixado aberto. Foi algo que não recorri a soluções mágicas ou ao suporte técnico. Vi nos forums que muitas pessoas reclamavam do problema mas também via que vários profissionais importantes do mercado estavam experimentando e gostando muito do Vmware Fusion. Foi quando resolvi fazer a mudança para o Fusion. Talvez pela experiência no mercaodo que a Vmware já tem pois possui produtos nessa linha para Windows e Linux há um bom tempo, mas o que vi foi que o Fusion funciona bem melhor que o Parallels pois tem mais ou menos as mesmas funções que ele e o mais importante, nunca travou comigo.

Vmware Fusion

Passar para o Fusion foi fácil, bastou exportar a máquina virtual do Parallels com o próprio software da Vmware de exportação para Windows. Dentro do próprio Windows você usa esse programa e cria um arquivo do Vmware. Depois com o arquivo da máquina virtual no formato do Vmware tem um passo importante, ao invés de abrir diretamente, você deve convertê-la para o formato do Fusion para permitir as funções mais avançadas que ele dá. O próprio Fusion faz isso bem rápido e então você passa a ter USB 2.0 e controle mais avançado da máquina virtual. Você deve sempre instalar o Vmware Tools para tornar sua máquina inteiramente compatíval com o Vmware.

Vmware Fusion Kubuntu

No meu Mac atualmente tenho duas máquinas virtuais, uma com Windows XP Pro Sp2 e outra com o Kubuntu. As duas funcionam muito bem.

Vmware Fusion Paused Windows Xp

Talvez o Fusion seja um pouco mais lento que o Parallels (talvez) mas é bem mais robusto e vem melhorando. Ainda não tive nenhum problema com ele e como uso profissionalmente, não posso ficar suscetível a esses problemas repentinos. Saí do Windows por causa justamente deste tipo de problema.

Então se você for escolher, pense bem sobre a opinião humilde de um ex-usuário do Parallels e vá de Vmware Fusion.

3 thoughts on “Não compre o Parallels, use o Vmware Fusion

  1. Pingback: Gustavo via Rec6

  2. Pingback: Gus SOS Brasil » | » Resolver Teclado Travado no VMware Fusion

  3. wesagnuscamaleao

    Estou comencando a usar agora vamos ver como ele vai se portar, em um macbook, com 4GB de memoria visto que usa bastante, instalei o Vista c/SP2 e o XP c/SP3 gostei mais do XP muito mais leve…..O vista antes das atualizacoes deu uns pauzinhos, basico…..mas no mais gostei muito…..agora cabe avaliar a funcionalidade…..

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *